sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

REPRESENTANTES EM REFERÊNCIA E ASSITÊNCIA SOCIAL DE LAJES PINTADAS PARTICIPAM DE DEBATE SOBRE CURSOS DO PRONATEC NO SENAI EM SANTA CRUZ

O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec)  criado pelo Governo Federal, em 2011, com o objetivo de ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica esteve se reunindo  com sua representante no Rio Grande do Norte Laura Medeiros Souto na manhã desta quinta-feira 24/02 juntamente com diversos representantes em Assistência social e referência Social de algumas região de nosso estado no SENAI (Santa Cruz), para debater assuntos de interesse aos cursos e como está recebendo o programa que profissionaliza nossos jovens para um mundo de qualificação profissional.
 Acompanhando a secretária municipal de Assistência social Claudjane Gomes de Morais e a coordenadora do CRAS Luciana Rodrigues da Silva, estivemos participando de um debate de dúvidas, e respostas para que o nosso município esteja sendo beneficiado pelo programa já que por sua vez, vem atendendo a 98 municípios em todo o estado sendo 20 já aderindo com sucesso os cursos. Logo no primeiro momento no auditório do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, a palestrante  Laura ( técnica de formação profissional UNIET) trouxe em suas palavras a importância da parceria em está trabalhando a qualificação profissional onde ao mesmo tempo o participante possa esta ganhando com sua ausência.
Na palestra repassada na manhã inteira foram  ressaltadas as definições pelo programa como forma de expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio e de cursos de formação inicial e continuada ou qualificação profissional presencial e a distância; foi articulado ainda as abrangências no atendimento dentro de cada município onde as secretarias de assistência social ou centro de referência possa está recebendo estes cursos que variam sua carga horária de 160 horas.
Foram debatidas ainda outras questões como tirar as dúvidas e como está participando dos cursos, na fala da palestrante que a execução do programa é desenvolvida junto às prefeituras municipais, por meio da assistência social, que se responsabilizam pela mobilização dos beneficiários, pré-matrícula e acompanhamento dos alunos, e conta com o apoio dos governos estaduais. A meta do Plano BSM é capacitar um milhão de pessoas inscritas no CadÚnico até 2014. Para os requisitos necessários a Idade para está participando do curso e a  partir dos 16 anos;  e estar cadastrado ou em processo de cadastramento no CADÚNICO (Cadastro Único) mesmo que o candidato não seja beneficiário do Programa Bolsa Família ou do Benefício de Prestação Continuada (BPC).
No município de Lajes Pintadas o programa já deu inicio as inscrições desde o ano de 2012, no centro de referência onde em Março estará finalizando com sua meta de 200 participantes sendo inscritos para que no mês de abril cada aluno possa está interagindo no espaço democrático de avanço profissional e sendo beneficiado com uma bolsa que estima um valor surpreendente calculado para que estes possam está aprendendo e ao mesmo tempo garantindo qualidade com êxito de sucesso.  A reunião contou ainda com participantes municipais das regiões do agreste potiguar, Potengi, Trairi, Seridó e central. Dentre as cidades o dialogo participativo foi mencionado entre representantes como o município de Monte Alegre pela Renata Gabriela assessoria técnica do município, secretária de assistência social Maria Gorete e coordenadora da bolsa família Wilma  Fontoura.
Na região o programa estará sendo administrado pela coordenação do SENAI, Roseane Silva de Lima (secretária escolar SENAI) e Vilma Lúcia da Silva Fernandes (coordenadora pedagógica SENAI) da região do Trairi. Conseguimos ainda destacar algumas cidades que nos deram a honra em participar do encontro como Serrinha, Campo Redondo, São Vicente, Lajes do Gabugí, Baraúnas, Jaçanã, Coronel Ezequiel, Serra Caiada, São Bento do Trairi, Monte Alegre e Lajes Pintadas.