terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

JOVENS CATÓLICOS DE BARROS PRETO PROMOVEM OFICINA DE DIALOGO E PARTICIPAÇÃO NO RESGATE A JUVENTUDE CRISTÃ

No último domingo (03) no espaço CEMAB`S (Centro de Cultura e Lazer Maria Barros) localizado na comunidade de Barros Preto, jovens e adolescente da localidade rural estiveram se reunindo juntamente com toda há uma equipe de coordenadores para realizar pela campanha da fraternidade 2013, uma oficina de desenvolvimento para a juventude. A primeira experiência realizada  no sábado na capela Nossa Senhora da Conceição, no domingo a continuação as 19:00 horas da noite juntou mais de 40 jovens para um dialogo participativo na construção ideias e propostas para a juventude no ano em curso.
Logo na primeira oportunidade o debate construtivo, foi realizado pela voz da jovem educadora e voluntária nos trabalhos de juventude Laudicéia Pereira que desejou boas vindas a todos (a) numa noite de opiniões, dinâmicas e um espaço de participação. Em seguida foi a vez de outros deixarem seus recados nas propostas de incentivo de como se trabalhar o ano da juventude dentro da campanha da fraternidade usando métodos de transformações como; palestras, reuniões, passeios, culturas tradicionais envolvendo datas comemorativas e visitas as residências no convite a juventude católica para participar dos trabalhos da igreja.

Ainda durante a oficina, palavras de experiências foram ressaltadas pela vice-coordenadora de mulheres trabalhadoras rurais Ana Maria da Silva, Pregador Luiz Antônio do Nascimento e a ministra da eucaristia Margarida Moura que ressaltaram a importância da atuante da juventude na igreja deixando como exemplo suas características no passado. A noite promoveu a oportunidade nas palavras do jovem Marcos Antônio do grupo de peça teatral Omhonsen em Cristo vindo da Igreja da Imaculada Conceição da cidade de Currais Novos onde irá trabalhar o sucesso retaliativo com alma incorporando personagens bíblicas dentro da comunidade vivenciando a sua primeira experiência na semana santa com a paixão de Cristo envolvendo jovens e adultos.
Durante a oficina foi discutido ainda o trabalho de restruturação na quadrilha junina tradicional da comunidade e no fortalecimento do grupo de Jovens (JUPAC). As oficinas para os jovens terão continuidade ainda em outras oportunidades onde novos temas serão sugeridos abordados pelos articuladores da igreja com base nos assuntos de espiritualidade, teatro, recreação e lazer e juventude na sociedade brasileira. A oficina terminou as 21h00min horas com a participação da juventude atual e novos rostos surgindo.