segunda-feira, 26 de novembro de 2012

SINDICATO RURAL DE LAJES PINTADAS REALIZA REUNIÃO DE GRUPO DE ESTUDO EM FORMAÇÃO SINDICAL

  Foi realizada na última sexta-feira (23) na sede do Sindicato dos trabalhadores (a) rurais de nosso município, uma importante  reunião sobre o grupo de estudo GES (grupo de formação sindical) onde foram discutidos os avanços de sua criação desde o ano de 2010 até o atual 2012. O grupo com dois anos de vivência em Lajes Pintadas tem como foco principal; fiscalizar e acompanhar o processo de crescimentos nas áreas rurais como também em sustentabilidade municipal.
 Portanto o GES  nada mais é do quer  um espaço permanente de formação, diálogo e debate nos municípios, nas comunidades rurais. Oportuniza as pessoas conversar sobre o seu lugar, o seu universo, com todas as fragilidades e potenciais. A idéia no município é construir nas comunidades rurais quilombolas, ribeirinhas, assentamentos e outros grupos de estudos, com participação de 05 a 15 pessoas, que se propõem a dialogar sobre o seu mundo e a sua história, sem perder de vista as transformações ocorridas na sociedade como um todo.

O GES  vivencia a prática da formação adquirida pelos sujeitos, oportunizando a experiência de outras pessoas da base, bem como a de questionar as suas vivências, pensamentos, práticas individuais, coletiva e do MSTTR frente à realidade vivida pelo sujeito.
Na reunião realizada as 09h00min horas, se fizeram presente agricultoras rurais vindas da comunidade de Barros Preto como também parte da comissão de mulheres rurais Ana Ilza e Ana Maria, além destas organizações também esteve a  juventude como o jovem Gilceane de Souza e Alzilene Barros. Ainda durante a reunião o privilegio foi sucedido pela ilustre visita do secretário estadual de juventude do estado rio grande do norte pela Federação dos trabalhadores rurais (FETARN) Erivan do Carmo e o tesoureiro do STTR de Coronel Ezequiel Severiano.
No espaço de conversa, a presidenta a Sra. Micarla Linhares debateu entre os demais sobre os programas de sustentabilidade social proporcionado para a vida do campo em parceria com diversas instituições de nosso estado cintando exemplos da construção de cisternas públicas para o espaço rural como também o apoio do sindicato nas orientações básicas para o ano propicio de chuva em escarces. Já na fala do secretário de jovem, o mesmo foi breve em ressaltar a importância da parceria municipal das prefeituras no quer se refere ao atendimento dentro da zona rural para beneficiar o homem e a mulher do campo. “ Temos a necessidade de conviver e se integrar na estabilidade do homem camponês para acompanharmos seus procedimentos na realidade rural. O encerramento foi encerrado com os informes e encaminhamentos com o relatório de visitas agendadas para fiscalizar os novos programas de cisternas de calçadão implantadas no município a partir da segunda-feira 26/11 nas comunidades rurais de Boqueirão e Serra Verde.